sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Avaliação de Agosto 17



Avaliação Final de Agosto


Dessa vez perdi pro Ibov, mas vou reclamar? Não tem como! Que mês!

Voltei aos aportes altos na bolsa. 7k. Que beleza! Vou tentar fazer isso todo mês.

Que coisa impressionante esse "bitcoin". Dá até medo de contar com esse dinheiro. Mais que dobrou em menos de 40 dias. Cheira a grande queda, mas não sou louco de vender.

Na verdade, o medo dá vontade de vender tudo, mas vou ficar quieto. 

E Luiz Cezar Fernandes assustando todo mundo (com argumentos que não chegam a ser irrazoáveis), falando que a crise está só começando no Brasil? Medo, mas vou ficar quieto.

No mais... Continuo sem fazer ideia do futuro da bolsa. Eleições, EUA... 

Números do mês:

"Ibov" subiu 7,45%.

Tenho hoje - 194.430,53 (carteira) + 1.602,27 (caixa de dividendos e vendas ainda não reinvestidos) = 196.032,80. Total de R$ 148.000,00 aportado desde que entrei. Significa que estou com 48.032,80 a mais que o total aportado. Mês passado era 36.938,85 a mais que aportei. Dá pra ver que ganhei 11.093,95. Alta de 6,00%. Num mês de alta de 7,45%... Desempenho ruim, mas não dá pra reclamar. No ano estou bem na frente do "Ibov".

Além disso, há agora a incógnita total "BItcoin". R$ 6.000,00 comprados um mês e semana passados que equivalem hoje a 12.153,00 agora, mas amanhã podem estar valendo 5.000,00. Daqui a 1 ano pode valer R$ 1.000,00 ou R$ 100.000... Enfim, não vou esperar muita coisa desse investimento. Todo mês vou dando uma olhadinha, por curiosidade.

Não vou contar o rendimento do dinheiro guardado em renda fixa, pois meu objetivo é avaliar meu crescimento em renda variável. Tenho cerca de R$ 30.000,00 em renda fixa. 

Meu patrimônio total hoje é cerca de 238 mil reais. Porém, não sei quanto os impostos vão comer disso aí (renda fixa e BitCoin, se é que paga...). Estou pensando ainda em tentar pegar as BitCoin Cash. Se der certo, surge mais 1.000 e pouco do "nada".

A bolsa "fechou" aos 70.835 pontos. Uns 25,8% a mais do que estava na minha estréia, cinco anos atrás. Por enquanto, "Ibov" 25,8%, minha carteira, 32,45%. Fraco resultado já que a inflação acumulada é de 34,2%. E a poupança daria uns 34-38%. (e o "Ibov" sofreu mais de um ano com a "OGXP3"). Bom... Ao menos já foi extremamente pior. 

Há um porém nessas contas, que percebi certa vez. Vou até postar sobre isso.






A.